Imprimir

Controle do Diabetes

Publicado em Tudo sobre diabetes

A pessoa com diabete pode acompanhar o seu controle através de testes que medem a glicose no sangue (Glicemia), na urina (Glicosúria) e também a medida de corpos cetônicos na urina (cetonúria).

Atualmente todos os glicosimetros (aparelhos de medida de glicose capilar -ponta de dedo) sao equipamentos e fabricado no Brasil, e a maioria vem dos Estados Unidos ou Europa.

Praticamente nao se usa mais metodos para medir a glicose na urina, ja que glicemias de ate 180 mg% podem nao ser dectetadas na urina, o exame mostra um valor que ja ocorreu ha algum tempo atras - ate horas e valores menores do que 70 ou menos nao sao difereciados de valores ate 180 mg%. Alem disso o preco das tiras que medem glicose capilar, passaram a ser comparaveis ao preco das tiras de glicosose na urina os picadores de dedo melhoraram muito e a obtencao de sangue passou a ser quase indolor e mesmo criancas muito pequenas aceitam bem as medidas no "dedinho."

Medidas de cetona na urina (cetonuria) continuam a ser muito importantes para os casos quando a pessoa com diabetes, se encontra mal controlada, podendo orientar o tratamento e ajudar a previnir uma ceto-acidose diabetica.

 

HORÁRIOS IDEAIS PARA MEDIDA

Para quem tem diabetes tipo 2 (não insulino dependente):

a) No mínimo 2 vezes por semana antes do café da manha manhã e antes do jantar.

b) Em situações de stress, infecções ou descontrole do diabetes, diariamente, antes do café da manhã, do almoço, do jantar e de deitar-se.

Nos peridos de ajuste de doses de medicacao oral ou principalmente insulina, pode-se necessitar-se de medidas duas horas apos as principais refeicoes: café, almoco e jantar.

 

MEDIDAS DE GLICEMIA EM CASA OU TRABALHO

Podem ser feitas facilmente por qualquer pessoa com uso de aparelhos (glicosímetros, cada vez mais marcas existem disponiveis eodos eles de uso fácil e de preço acessível.

Os resultados são quase iguais aos obtidos em laboratório, desde que a técnica de medida e a calibração do aparelho esteja correta. Apesar disso as medidas realizadas por glicosimetros de diferentes marcas, podem variar ate dez por cento, eventualmente mais quando os valores de glicemia sao menores do que 60 mg% e maiores do que 400 mg%.

O mesmo acontece com sangue colhido em laboratorio, se voce quizer checar o seu aparelho, pode leva-lo ao laboratorio e no mesmo momento que colher o sangue na veia, pique a ponta do dedo e use esse sangue para medir. A diferenca e mais ou menos igual ao que acontece com diferentes glicosimetros.

 

"DICAS" PARA MEDIR A GLICEMIA

Atente para o prazo de validade das fitas. (Leia a bula do fabricante).

Para conseguir uma boa gota de sangue, lave as mãos com água norma, seque com uma toalha limpa e pique o dedo com um lancetor existentes nas lojas especializadas. Tentar puncionar o lado do dedo, que é menos sensível que a ponta dos dedos.

Não use álcool para limpeza do dedo antes da punção, ou se for usá-lo seque antes de obter a gota, se não for feito isso o resultado será alterado.

 

HORÁRIOS IDEAIS PARA AS MEDIDAS DE GLICEMIA

Quando estiver usando insulinas de ação intermediária, como exemplo: NPH, o melhor horário para medir o seu efeito é no pico de ação de 8 a 12 horas após a aplicação de insulina.

Quando você estiver usando Insulinas de ação rápida, R ou regular, análogos rápidos (Humalog/Novorapid) o melhor horário para medir o seu efeito é de 1 ½ a 2 horas após a aplicação de insulina.

Os pacientes com diabetes tipo 1 bem controlados podem dosar sua glicemia 2 a 3 vezes por semana em horários antes das refeições em alguns dias e após as refeições em outros dias,

Em pacientes diabéticos instáveis, grávidas ou com infecção ou stress grave, essas medidas devem ser diarias no minimo tres vezes ao dia, se possivel antes das refeicoes e apos ( 2 horas) delas alem de ao deitar.

 

HEMOGLOBINA GLICOSILADA E O CONTROLE DO DIABETES

Hoje em dia não existe mais dúvida de que quanto melhor o controle do diabetes, com taxas de glicemia mais próximas do normal, menor é o risco de acontecerem complicações na pessoa que tem diabetes.

O controle do diabetes é medido através das variações das taxas de glicemia, que acontecem durante o dia, estas medidas servem para avaliar como vai indo o controle da glicemia a cada momento do dia, mas quando se quer medir o controle do diabetes ao longo dos meses, o exame a ser pedido é o da Hemoglobina glicada (mais conhecida como Hemoglobina Glicosilada ou A1C)

A dosagem da Hemoglobina Glicosilada é feita por uma coleta de sangue e este exame mostra como esteve o controle do diabetes, durante os últimos 3 meses.

Os valores da Hemoglobina Glicosilada são dados em percentagens, e o valor normal é de até 6 a 6,3%, dependendo do laboratório.

O método de preferência é chamado de HPLC, outros métodos são aceitos se os valores normais forem iguais os de HPLC, de 6 a 6,3%.

Os valores bons são até 7%, embora hoje em dia exista uma corrente de medicos que acha que valores abaixo de 6,5% sejam ideais.

Alcançar e manter valores de Hemoglobina Glicosilada abaixo de 7%, diminue muito o risco de complicações do diabetes e se estiver abaixo de 6,5% melhor ainda

A medida da Hemoglobina Glicosilada deve ser realizada idealmente a cada 3 meses e no mínimo 2 vezes por ano.

CONTROLE MELHOR O SEU DIABETES - mantenha a Hemoglobina Glicosilada (A1C) menor que 7%.